ERIC LEITE
MINHAS PROFUNDAS CONFISSÕES
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário Textos PerfilPerfil ContatoContato


MANHÃ DE SOL

Essa manhã minha alma e o sol fizeram amor
e enquanto seus raios me acariciavam lembrei dos braços daquele ser amado
sussurrou-me no ouvido palavras que me provocaram calor
e recebendo um ósculo de luz lembrei daquele beijo que um dia dei apaixonado

Manhã de sol, aquele sol que foi despindo as vestes da minha alma expondo cicatrizes
tentei olhar para sua face,tocar seu fulgor lembrando de um rosto dourado
que numa manhã de sol como essa me fez viver dias felizes
que numa manhã de sol como essa me fez seu amado!

Foi uma prazerosa manhã tanto deleite que se resultou nessa poesia
inspirada em raios que me aqueceram e em braços que me protegeram não são palavras vãs
inspirada nessas horas de alquimia difundida nessa orgia
Minha alma,com os raios do sol e com as lembranças de alguém que trazia luz ás minhas manhãs

 
Eric Leite
Enviado por Eric Leite em 23/10/2018
Alterado em 23/10/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários