ERIC LEITE
PALAVRAS DA ALMA DESPIDAS EM VERSOS
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário Textos FotosFotos PerfilPerfil ContatoContato

 AQUELE SOL
Eric leite

Um dia fui mergulhar nos meus oceanos
e me surpreendi ao vê-los congelados
dominados por meus desejos mais profanos
através do gelo consigo ver sentimentos aprisionados

Ainda espero pelo sol que possa me aquecer
ainda espero a resposta pelo meu apelo
tenho esperança que aquela chama volte a acender
tenho esperança que a luz volte e me liberte de todo esse gelo

Agora estou aqui curvado diante dessa realidade
e por mais alto que eu grite nunca é o bastante
nas asas de uma águia partiu minha felicidade
quem aguenta morar dentro de um iceberg ambulante?

Estou afastando todos com esse frio
cada dia que passa mais meus ventos se tornam gelados
o horizonte se perde de vista diante do gelo pálido e sombrio
estou sozinho caminhando sobre os meus próprios pecados

Já estive num abrigo,mas não passou de um abraço breve
toda chama que prometeu me aquecer,todos os braços que prometeram me acolher tiveram fim
eu construi essa realidade com minhas próprias mãos, como um boneco de neve
que vai ficar de pé até que aquele  sol que me tem como filho volte a brilhar dentro de mim





 
Eric Leite (Dreamy Butterfly)
Enviado por Eric Leite (Dreamy Butterfly) em 09/05/2018
Alterado em 09/05/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários